Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/5568
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorVieira, P.pt_BR
dc.contributor.authorSilva, A. M.pt_BR
dc.contributor.authorBaptista, J. M.pt_BR
dc.contributor.authorAlmeida, M. C.pt_BR
dc.contributor.authorRibeiro, R.pt_BR
dc.date.accessioned2007-07-17T14:09:25Zpt_BR
dc.date.accessioned2010-04-26T09:02:08Zpt_BR
dc.date.accessioned2014-10-20T12:57:05Zpt_BR
dc.date.accessioned2017-04-13T11:43:35Z-
dc.date.available2007-07-17T14:09:25Zpt_BR
dc.date.available2010-04-26T09:02:08Zpt_BR
dc.date.available2014-10-20T12:57:05Zpt_BR
dc.date.available2017-04-13T11:43:35Z-
dc.date.issued2002pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/5568-
dc.description.abstractA estrutura do consumo doméstico de água varia de modo significativo de país para país, de região para região, e mesmo de habitação para habitação, dependendo de vários factores entre os quais se destaca o hábito de consumo dos seus ocupantes que, por sua vez, são determinados por aspectos culturais e climáticos. Não tendo sido encontrados, a nível nacional, estudos de caracterização quantitativa do consumo de água para fins domésticos, foi realizado, no âmbito do estudo Uso Eficiente da Água em Portugal elaborado em 2001 pelo Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) para o Instituto da Água (INAG), um inquérito com o objectivo de obter um maior conhecimento sobre esta temática e de modo a permitir a avaliação da viabilidade de medidas para utilização mais eficiente da água neste sector. O inquérito abrangeu uma amostra de cerca de 100 pessoas, correspondendo a, aproximadamente, 40 habitações inseridas maioritariamente em meio urbano. Durante o período de inquérito, os participantes registaram, com detalhe, os consumos de água associados a cada uso. Os resultados obtidos permitiram conhecer a composição dos consumos médios de água em instalações residenciais (reportados ao conjunto de participantes), tendo sido simultaneamente identificadas algumas ineficiências no uso da água. Os duches e banhos surgem como a parcela mais importante do consumo total, seguidos dos consumos associados à descarga de autoclismos e torneiras. Quando se trata de habitações com espaços exteriores, a desagregação dos consumos apresenta algumas diferenças que se traduzem, essencialmente, no predomínio da componente correspondente às torneiras exteriores.pt_BR
dc.description.sponsorship******pt_BR
dc.format.extent73 bytespt_BR
dc.format.extent37 bytespt_BR
dc.format.mimetypetext/plainpt_BR
dc.format.mimetypetext/plainpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisher******pt_BR
dc.relation.ispartofseries******pt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectEstrutura do consumo domésticopt_BR
dc.subjectUso eficiente da águapt_BR
dc.titleInquérito aos hábitos de utilização e consumos de água em instalações residenciaispt_BR
dc.typeconferenceObjectpt_BR
dc.identifier.localedicao******pt_BR
dc.description.pages9 pág.pt_BR
dc.identifier.seminario10º ENaSB/SILUBESApt_BR
dc.identifier.localBraga, Portugalpt_BR
dc.description.volume******pt_BR
dc.identifier.proc******pt_BR
dc.description.data16-19, Setembro, 2002pt_BR
dc.description.price******pt_BR
Appears in Collections:DHA/NES - Comunicações a congressos e artigos de revista

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CNP14_resumo.pdf14.41 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.