Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/5317
Title: Marés e correntes residuais no estuário do Tejo.
Authors: Fortunato, A. B.
Oliveira, A.
Melo Baptista, A.
Issue Date: 1996
Publisher: ******
Series/Report no.: ******
Abstract: Este artigo sumariza os primeiros passos de um projecto a longo prazo para compreender a hidrodinâmica do estuário do Tejo e desenvolver um modelo de qualidade de água para suporte à gestão. Analisam-se primeiro as características fundamentais da propagacão de maré através de dados e de um modelo de escoamento simples. Em particular, mostra-se que o estuário tem um período de ressonância de cerca de nove horas, e que este efeito de ressonância amplifica as constituintes semi-diurnas cerca de 40%. Estudam-se depois as correntes residuais na embocadura através de um modelo tridimensional não linear, e ilustra-se o seu efeito nas características de mistura. Nomeadamente, mostra-se que há trocas de massa importantes entre águas estuarinas e costeiras através de tidal pumping , e dispersão através de mistura caótica. Palavras chave: Hidrodinâmica de maré. Correntes Residuais. Estuário do Tejo
URI: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/5317
Appears in Collections:DHA/NEC - Comunicações a congressos e artigos de revista

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
stub.txt73 BTextView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.