Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/1013428
Title: Estratégias de reforço físico-químico com carvão ativado em pó para controlo de fármacos em ETAR
Authors: Viegas, R.M. C.
Mesquita, E.
Martins, A.
Rosa, M. J.
Keywords: Adsorção;Análise de custos;Carvão ativado em pó;Fármacos;Tratamento de águas residuais urbanas
Issue Date: Apr-2020
Publisher: APESB
Citation: doi:10.22181/aer.2020.0602
Abstract: Este artigo foca a comparação da aplicação de carvão ativado em pó (PAC) nos tratamentos secundário e terciário para controlo de fármacos (PhC) em estações de tratamento de águas residuais (ETAR) urbanas. Foram realizados ensaios de adsorção à escala de laboratório, com um PAC selecionado, três PhC alvo, em licor misto e efluente secundário de uma ETAR. Através de modelação matemática, prevê-se que, para assegurar 80% de remoção do total dos três PhC, será necessária uma dose de PAC de 16 mg/L se utilizada a opção de tratamento secundário, ou de 7,5 mg/L se a opção for o tratamento terciário. A análise de custos aponta para custos anualizados, incluindo CAPEX e OPEX, de 0,05 €/m3 e 0,06 €/m3, respetivamente para os cenários de doseamento no tratamento secundário e terciário. No tratamento terciário, caso seja necessária a instalação de filtração rápida, segundo valores da literatura, o custo poderá aumentar em cerca de 0,08 €/m3, tornando o doseamento no tratamento secundário economicamente mais eficiente.
URI: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/1013428
Appears in Collections:DHA/NES - Comunicações a congressos e artigos de revista

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.