Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/1002043
Title: A utilização do GNSS com elevada frequência de amostragem na monitorização de estruturas
Authors: Lima, J. N.
Henriques, M. J.
Keywords: Gnss;Monitorização;Pontes
Issue Date: 5-May-2011
Publisher: Lidel
Abstract: Aproveitando as capacidades actuais dos receptores GNSS de observarem com uma frequência de amostragem até 20 Hz (nalguns casos até 100 Hz) têm-se utilizado o GNSS na monitorização de estruturas como, por exemplo, edifícios altos e pontes de grande vão, caracterizados por terem frequências dos seus modos naturais de vibração inferiores à correspondente frequência de Nyquist e, sobretudo, amplitudes de vibração da ordem de alguns centímetros. A frequência elevada de soluções, nomeadamente a de 20 Hz, obriga a que o modo de posicionamento GNSS utilizado na monitorização não possa ser o conhecido por estático, mas sim o designado por cinemático. Todavia, este último tem tipicamente uma incerteza posicional superior à do primeiro, grande parte devido aos efeitos de multipath (reflexão de sinais). Nesta comunicação apresentam-se os resultados de um teste realizado pelo LNEC numa ponte rodoviária onde se utilizaram simultaneamente receptores GNSS Topcon GB-1000 com antenas choke ring e acelerómetros triaxiais GeoSig AC-63, com frequências de amostragem de 20 e de 100 Hz, respectivamente. Tratando-se de duas técnicas completamente independentes, a comparação dos resultados obtidos permite validar as potencialidades do GNSS na monitorização dinâmica de estruturas, apesar de no teste realizado se ter detectado uma presença significativa de multipath na observação GNSS que pode mascarar as vibrações naturais desta ponte.
URI: http://repositorio.lnec.pt:8080/jspui/handle/123456789/1002043
Appears in Collections:DBB/NGA - Comunicações a congressos e artigos de revista

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.